Segurança em primeiro lugar!

Já à algum tempo que queríamos mudar de casa, enfim encontrámos a casa ideal para nós só que é um 3 º andar, o que a mim me faz imensa confusão pois SEMPRE vivi no rés de chão, confesso que tenho tido insónias à “pala” das janelas, sim assim que foi confirmado de que iríamos ficar com a casa num 3 º andar eu tive insónias, só de imaginar as miúdas a aproximarem se das janelas ficava sem sono, só quem é mãe me percebe!!!!!

Depois de muito “googling” e de várias idas a lojas de bricolage, encontrei estes bloqueadores (ver imagem abaixo) de janelas de correr na Leroy Merlin, que me pareceram ser eficazes para que as miúdas não consigam abrir as janelas, pois estas são de correr e são extremamente fáceis de abrir, comprei vários do mesmo modelo, além dos bloqueadores iremos colocar redes nas janelas e varandas, tenho um medo enorme de acidentes que envolvem crianças e janelas/varandas, por isso cabe-nos a nós pais tentar protegê-las ao máximo.

Estes acidentes podem ser evitados com procedimentos simples como colocar bloqueadores de abertura e redes nas janelas, as crianças são inocentes sem noção alguma do perigo, por isso cá em casa a segurança vem sempre em primeiro lugar, não me importo de gastar a quantia que for precisa para tornar a casa mais segura para as minhas princesas.

Podem utilizar muitos outros métodos para protegerem as vossas janelas, um deles, podem alterar os fechos colocando fechos com chave, mas por enquanto nós achámos que estas seriam as melhores soluções!

16559408_1338035136263906_259022701_n

bloqueadores de abertura para janelas de correr

Beijinhos,

Sofia Cruz

Anúncios

Querida mãe nervosa…

get_img

Querida mãe nervosa estas palavras são para ti…

Tens o peso do mundo sobre os teus ombros, crianças, casa , marido e trabalho tomam conta do teu dia e da tua energia, sentes que não tens um minutinho para ti para pores as tuas ideias em ordem, a tua ansiedade cresce olhas em volta e descobres que o chão que à 5 minutos atrás tu varreste e juntaste todos os brinquedos está coberto de todo o tipo de tralha outra vez, eu sei o quanto tu ficas nervosa quando isso acontece eu sei que sim!

Filhos são uma bênção são tudo o que tu sempre sonhaste ter filhos e uma família, nunca pensaste que ficaria tudo sobre ti, sonhaste com uma família feliz e unida mas infelizmente com o passar do tempo vês que não é bem assim, as crianças fazem birras e desarrumam tudo e tu gritas com elas e a cada dia que passa vais tendo aquela sensação avassaladora de que as crianças estão a crescer e de que grande parte do tempo tu estás com o peito inchado e não é de orgulho pela fantástica mãe que és, mas sim com o peito inchado de ansiedade e nervosismo, a cada dia que passa pensas que podes ser melhor, só que não sabes como, muitas vezes choras…choras porque gritaste e foste um pouco cruel com os teus filhos, ao dizeres palavras menos bonitas, pois eu digo as crianças podem levar te ao limite mas tu és forte pensa que conforme fores desenvolvendo a tua paciência os teus filhos irão desenvolver a sua tranquilidade, o teu nervosismo e ansiedade só os afectam cada vez mais, eles ficam irrequietos, fazendo de tudo para chamar a tua atenção, se tu relaxares e falares com calma, mais depressa eles te ouvirão, nunca te esqueças que os filhos são o reflexo dos seus pais!

Não desperdices o teu dia a limpar e a arrumar, enquanto arrumas e limpas eles crescem e tu também precisas descansar, lembra-te das noites mal dormidas em que te levantas duas ou três vezes aproveita um tempinho para descansares, enquanto eles dormem a cesta, a casa limpas depois.

Quando as crianças te levarem ao limite tenta relaxar ignora, faz como eu e conta até cem, lembra te que os gritos de uma mãe doem para sempre, tenta falar calmamente, que eles ouvem-te!

Aproveita o teu dia para lhes dares mais atenção, muitos beijinhos e abraços, nunca os negues pois pode ser que daqui a uns anos os abraços que tu sintas falta sejam aqueles que tu não destes, as crianças só são crianças uma vez na vida!

Beijinhos,

Sofia Cruz

Está grávida? Saiba se pode ou não pintar o cabelo!

avoid-hair-color-during-pregnancy

Este é um assunto que desperta uma enorme dúvida nas gestantes, existem muitas opiniões, umas a favor e outras não, mas apesar de ser um tema abordado frequentemente pelas futuras mamãs ainda não existem pesquisas com conteúdo sólido que indiquem se é bom ou não pintar o cabelo durante a gestação, mas o mais aconselhável é não pintar pois os químicos da tinta são absorvidos pelo couro cabeludo e podem fazer mal ao bebé.

Se realmente o quer fazer espere que o primeiro trimestre da gravidez termine, pois é o período em que há maior risco de mal formações no feto, e opte sempre por tintas naturais ou sem amoníaco ou pelas madeixas pois a tinta não é aplicada diretamente no couro cabeludo.

Na minha opinião melhor do que ficar bonita é proteger o seu bebé e optar por não pintar o cabelo!

Beijinhos,

Sofia Cruz

Um dia a não esquecer!

DSC05641.JPG

Hoje de manhã acordei e subitamente tive uma sensação estranba, como se me estivesse a escapar alguma coisa ou mesmo como se me faltasse qualquer coisa que não conseguia definir concretamente, rapidamente,depois de algumas voltas à mente, olhei para a minha esquerda e não vi a minha pimpolha mais nova ao meu lado, fez-se logo um click, a princesa dormiu até às 8h00 na cama dela e não me acordou uma única vez a noite toda, garanto- vos que em 30 meses de vida (dela), isso nunca aconteceu, dei um pulo estava aflita será que ela está bem, fui a correr ao quarto das princesas e lá estavam elas a dormirem como anjinhos!

Sem dúvida está manhã foi memorável para mim, só espera ter muitas mais noites de sono profundo e seguido como esta, pois o que tem sido mais difícil para mim nestes últimos anos é mesmo a privação do sono, tenho olheiras profundas que acho que já não irão desaparecer hehehe

Bjx

 

Sofia Cruz

Já cheira a Natal!

Já tem cheirinho de Natal cá em casa, nós adoramos esta época e este ano resolvi ensinar às crianças, principalmente à mais velha, que o Natal não é só receber prendas mas também dar e espalhar amor, por isso iremos ajudar uma família que muito precisa com um cabaz de Natal feito por nós! A árvore de Natal apesar de ter duas crianças e uma gata sempre à sua volta por enquanto ainda está de pé!!!

 

received_1240981989302555

received_1240990092635078

img_20161120_173921

received_1240989999301754

 

 

Zombie mom!

Alguém mais já se sentiu assim? Com o modo zombie activado?! Estas últimas duas semanas tem sido cansativas para mim, ao resolver que já estava na hora da menininha Leticia passar da cama de grades para a cama de baixo do beliche, nunca pensei que as minhas noites seriam tão atribuladas, chego a levantar me 4 vezes por noite, confesso que muitas vezes opto pelo meio mais fácil e deito-a na cama da mamã e do papá, com esperança de dormir 2 horas seguidas.

Nas primeiras noites ela não estava muito convencida com a cama nova, comprámos uns edredons todos catitos e ela começou a gostar da cama e a chamar-lhe de “cama linda”, ela até gosta da cama de menina crescida só não gosta de lá estar sozinha, acorda de hora a hora num choro alto que me assusta, deito me ao seu lado para ela adormecer assim que me levanto ela acorda, outras vezes vem no escuro e quase me mata de susto, ando exausta ela também, a adaptação tem sido complicada, com estas trocas e baldrocas durante a noite perco o sono ela também, faz birra para ver o panda e acorda a mana mais velha, tem sido uma experiência desgastante que espero que passe rápido porque qualquer dia já durmo em pé 🙂

Com sorte será só uma fase!

Beijinhos,

Sofia Cruz

Uma mãe à beira de um ataque de nervos!

12472484_1056572544427478_3740770916659615975_n

Existem dias difíceis neste nosso mundo materno, dias estes que custam a passar e em que a hora da cesta e do descanso parece que nunca mais chegam!

Hoje foi um desses dias, dia em que as crias não se entendem, gritos, choros, queixinhas constantes entre muitas outras coisas, dia em que o quarto não fica mais que cinco minutos arrumado, em que a sala parece um mar de brinquedos, dias em que comem mal ou mesmo quase nada, dias quentes em que elas ficam irritadas com o calor dentro e fora de casa, existem dias difíceis e cansativos em que manter a calma e o bom humor não é fácil ou atrevo me mesmo a dizer quase impossível e hoje foi um desses dias!

DESCUBRA AQUI TUDO O QUE É MELHOR PARA SI E PARA O SEU FILHO!

Amanhã será um novo e melhor dia!

Beijinhos,

Sofia Cruz